Pensar os laços sociais na América Ibérica.
Linguagens, experiências e temporalidades (Século XVI – século XXI)
1-4 Sep 2020 Paris (France)

Congressos > 1° circular

Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne, Paris, 2020

Caros colegas

Temos o prazer de convidá-los à participar do XIX° Congresso da AHILA que ocorrerá em Paris de 1° à 4 de setembro de 2020. A Universidade Paris 1 – Panthéon-Sorbonne e o Campus Condorcet - que então será o maior centro europeu de pesquisas em Ciências Sociais – acolherão os simpósios e as conferências em torno da temática dos laços sociais, de suas linguagens, experiências e temporalidades na América Ibérica.

Após a decisão tomada na Assembléia Geral do XVIII Congresso AHILA, realizada em Valência em setembro de 2017, o XIX Congresso AHILA 2020 será organizado pela CRALMI-Universidade Paris 1 Pantheon Sorbonne-UMR "Mondes Americains" (EHESS- CNRS) - e abordará o tema:

Pensar os laços sociais na América Ibérica. Linguagens, experiências e temporalidades (Século XVI – século XXI)

Da época da Conquista e da colonização aos nossos dias, os laços sociais foram extraordinariamente intensos, complexos e conflituais na América Ibérica. É possível explorar a linguagem social da solidariedade e da desunião, e de se interrogar como, desde o fim do século XIX, as ciências e a psicologia social oscilaram entre discursos, enquetes e conceitualizações segundo uma tentativa sempre renovada de dar conta das especificidades, das patologias e das adaptações de sociedades de mais a mais diverisificadas. Enquanto elemento substancial do laço social, a memória coletiva pode ser abordada segundo uma perspectiva historiográfica que explora a diversidade de seus motivos e de suas manifest ações ao longo dos cinco últimos séculos.

Durante toda a época colonial e além desta, a religião católica, com seus monges e seus padres, suas crenças, símbolos e ritos coletivos, suas confrarias e seus hospitais, gerou práticas do viver juntos e das expressões de sincretismo, ela igualmente formulou discursos normativos e fez da família sacralizada o fundamento da ordem social e política. Paralelamente, atores de origem social e étnica muito diversas se apropriaram do direito e da justiça para afrontar a multitude de fricções, disputas e conflitos da vida cotidiana. Numerosas foram as revoltas surgindo de identidades e de reveindicações coletivas contra outros grupos igualmente solidários, enquanto que os escravos fugitivos construíam comunidades da qual a marginalidade não os impedia de produzir formas específicas de laço social.

Desde o século XIX, a irupção da modernidade política e o advento do indivíduo, a diversificação das economias, a imigração européia e asiática, a urbanização e os processos de secularização transformaram profundamente tanto a linguagem quanto as experiências do social. O universo das relações de proximidade se dissociou das trocas econômicas. O trabalho assalariado e a fábrica, as associações mutualistas e os sindicatos surgiram como lugares de interdependência social. A “questão social”  se pôs como ameaça contra a ordem social enquanto que o rádio, o cinema, os esportes criavam imagens e espaços inéditos de solidariedade e de trocas socio-cultural. Enfim, convém de se interrogar sobre o papel desempenhado pelos mais diversos meios de comunicação – e até os dias atuais – na construção, na renovação e na preservação dos laços sociais.

Taxas de inscrição para o XIX Congresso AHILA

Você pode se inscrever à partir de 1º de julho de 2019. O formulário de inscrição pode ser encontrado no site do congresso: https://ahila2020.sciencesconf.org

Até 1 de setembro de 2019

  • PARCEIRO: 120 euros (+ 80 euros da quota de três anos)
  • Taxa preferencial (estudantes, pensionistas, bolsistas AHILA, desempregados): 70 euros (+ 80 euros de taxa trienal)

Até 1º de março de 2020

  • PARCEIRO: 150 euros (+ 80 euros da quota de três anos)
  • NENHUM PARCEIRO: 230 euros
  • Taxa preferencial (estudantes, aposentados, bolsistas AHILA, desempregados): 90 euros (+ 80 euros da taxa de três anos)

Até 1 de setembro de 2020

  • 250 euros
  • Taxa de Acompanhamento: 110 euros

A taxa de inscrição inclui: participação no congresso, recepção do coquetel e encerramento do congresso, coffee breaks, ata do congresso, preço especial para as atividades culturais propostas.

Torne-se um membro associado da AHILA

Em parceria com a AHILA você pode se beneficiar de um desconto significativo no registro e receber os estudos publicados pela AHILA durante o triênio.
Para ser um membro, é necessário pagar a taxa de três anos de apenas 80 euros (individual).
Para as formas de pagamento, consulte: http://www.ahila.eu ou contacte o tesoureiro da AHILA: Delia González de Reufels info@ahila.eu

O Congresso tem seu próprio site:

https://ahila2020.sciencesconf.org

Nesta página, você será informado regularmente sobre toda a evolução relacionada com a preparação do Congresso (programa de congressos, hotéis disponíveis, programação cultural e outros aspectos relevantes para a sua participação no congresso).
CONSULTE PERIODICAMENTE ESTA PÁGINA: https://ahila2020.sciencesconf.org

Alojamento

O Congresso oferecerá uma seleção de hotéis reservados para diferentes categorias e preços em Paris. A partir de julho de 2019, você pode fazer sua reserva de um quarto no hotel de sua escolha.

Programa cultural

Durante o Congresso, um interessante programa cultural será oferecido. Este programa estará disponível em breve no site do Congresso.

Contato:

Se você tiver dúvidas, pode entrar em contato conosco pelo e-mail: ahila2020@univ-paris1.fr

Membros da Conselho Científico do XIX Congresso AHILA

  • Jesús Bustamante (Consejo Superior de Investigaciones Científicas-CSIC, Madrid)
  • Charlotte de Castelnau-L’Estoile (Université Paris Diderot)
  • Claudia Damasceno ( EHESS, Paris)
  • Paulo Drinot (University College London)
  • Pilar González (Université Paris Diderot - Paris 7)
  • Véronique Hébrard  (Université de Lille)
  • María Alejandra Irigoin (London School of Economics and Political Science)
  • Annick Lempérière (Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne)
  • Aliocha Maldavsky  (Université Paris Nanterre)
  • José Maria Portillo (Universidad del País Vasco)
  • Stefan Rinke (Freie Universität Berlin)
  • Maria Rosaria Stabili (Università degli Studi Roma Tre)
  • Geneviève Verdo (Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne)
  • Marianne Wiesebron (Leiden University)

Datas importantes

  • 15 de março de 2019: prazo para a apresentação de propostas de simpósios
  • 15 de abril de 2019: Comunicação da seleção de simpósios aprovados
  • 1º de julho de 2019: Abertura de inscrições para participar do Congresso e reservas de hospedagem
  • 3 de setembro de 2019: data limite para envio de propostas para artigos
  • 15 de novembro de 2019: Divulgação dos trabalhos aprovados
  • 1º de maio de 2020: Divulgação de uma versão evolutiva do programa do congresso com todas as atividades no site
  • 1-4 de setembro de 2020: Reunião do XIX Congresso de AHILA
     

 


Esperando encontrá-lo em Paris, receba as cordiais saudações do Comitê Organizador do XIX Congresso AHILA

Annick Lempérière, Pr. de historia de América Latina, directora del CRALMI y responsable de la Organización del Congreso

Véronique Hébrard, Professeur d’histoire et civilisation de l’Amérique latine, Université de Lille, membre du laboratoire Cecille EA 4074

Geneviève Verdo, maître de conférences en histoire de l’Amérique Latine, Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne, membre du CRALMI et du laboratoire Mondes Américains.

Diana Ospina, Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne, membre du CRALMI et du laboratoire Mondes Américains.

Online user: 2